BACHARELADO EM QUÍMICA


(HABILITAÇÃO EM QUÍMICA AMBIENTAL)

Código do Curso: 59023
Modalidade: Bacharelado em Química
Reconhecimento: O Curso de Química (habilitação de Química Ambiental) obteve por 3 anos o reconhecimento do curso através da Portaria CEE/GP 638/17 de 12.12.2017, publicado no DOE de 13.12.2017.
Departamento: Química
Coordenador: Maria Eugênia Queiroz Nassur

Guia do Calouro 2018

Projeto Pedagógico

Formação Básica

O curso de Bacharelado em Química é em período integral e tem duração de 4 anos. Os ingressantes podem se formar nas modalidades Bacharel em Química, Bacharel em Química Forense, Bacharel em Química Ambiental e Bacharel com Habilitação em Química Tecnológica, Biotecnologia e Agroindústria. As quatro modalidades apresentam um núcleo mínimo de disciplinas que está subdividido em um núcleo básico e disciplinas complementares obrigatórias. Este mínimo abrange os conteúdos considerados imprescindíveis para a formação de um Químico, com disciplinas teóricas e experimentais de Química Geral, Química Analítica, Química Orgânica, Físico-Química, Bioquímica, Química Inorgânica, Física e Matemática. A diferenciação entre as quatro modalidades será feita ao final do 1º ano tendo um núcleo específico, dividido ao longo dos três anos posteriores do Curso, contendo um elenco de disciplinas específicas e optativas para as modalidades. O Bacharelando em Química Ambiental deverá cumprir um estágio de 240h.

Perfil do Curso

O graduando em Química Ambiental deverá ter primeiramente um sólido conhecimento da Química Básica, pois a este serão atribuídas as competências de um Bacharel em Química. A formação técnica especializada, ainda dentro do curso Universitário, irá possibilitar que este profissional seja altamente competente e competitivo no mercado de trabalho.

Este graduando terá uma formação multi e interdisciplinar para compreender e atuar sobre um problema químico inserido no meio ambiente. Portanto este curso, além do núcleo de disciplinas específicas de química, contempla disciplinas básicas nas áreas de ecologia, geologia, microbiologia, toxicologia, técnicas de amostragem, disciplinas que enfocam a dinâmica de distintos ecossistemas, assim como legislação e gestão ambiental. O objetivo do curso e Bacharelado em Química Ambiental é formar um profissional capaz de avaliar o possível impacto sofrido por um determinado ecossistema, levando em conta os seguintes aspectos: 1) que tipo de material amostrar, 2) onde amostrar, 3) como amostrar, 4) quais as análises químicas que seriam pertinentes realizar, 5) como realizar as análises químicas de amostras com matrizes complexas, 6) como interpretar e contextualizar os resultados obtidos, e finalmente, 7) o que poderia ser proposto para remediar e prevenir impactos negativos nesse ecossistema. Desta forma, esclarecemos que o Químico Ambiental não estará apenas habilitado, ou ‘interessado’ em medir uma espécie química em uma amostra ambiental, mas sim em determinar sua origem, seu potencial tóxico, e seu destino no meio ambiente estudado. O profissional em química ambiental deve ser capaz de entender principalmente sob a ótica da química, como as atividades humanas afetam o planeta, como essas alterações podem ser monitoradas e como mudanças indesejadas podem ser prevenidas.

A Divisão de Química Ambiental da Sociedade Brasileira de Química na sua página na Internet http://www.sbq.org.br cita que... a Química Ambiental não é a ciência da monitoração ambiental, mas sim da elucidação dos mecanismos que definem e controlam a concentração das espécies químicas candidatas a serem monitoradas.”


Este curso está estruturado a fim de permitir que o profissional tenha um amplo espectro de atuação, podendo incluir órgãos governamentais de controle ambiental (monitoração e gestão), empresas públicas e privadas de tratamento de água e esgoto. Este poderá atuar em programas de remediação de ecossistemas impactados, consultorias na área de meio ambiente ou segurança química, e propor alterações no processo produtivo industrial no sentido de minimizar as cargas residuais geradas. Além disso, seja em empresas públicas ou privadas, este profissional poderá participar no desenvolvimento de projetos dentro da filosofia do "Mecanismo de Desenvolvimento Limpo" para a negociação de créditos de carbono. As oportunidades de empregos na área de Química Ambiental no Brasil são crescentes, e esta tendência deverá ser mantida ainda por muitos anos, devido ao aumento das exigências governamentais de padrões de qualidade de efluentes líquidos e emissões gasosas, como também devido a uma maior conscientização da população brasileira com relação à manutenção da qualidade dos ecossistemas naturais. Dentro do espírito da demanda atual da sociedade, o objetivo deste curso é formar cidadãos profissionais em química que além compreender os processos químicos, também tenham conhecimento sobre a dinâmica dos diversos ecossistemas, para que possam assim minimizar o impacto ambiental promovido pelo desenvolvimento da sociedade.

Grade Curricular